Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Fora da Zona de Conforto! [20/10/09]

Índia: Vítimas de inundações ainda estão vulneráveis
“Quando eu olho em volta na aldeia onde me encontro, praticamente todas as construções foram destruídas”, disse Simon Burroughs, coordenador da emergência de MSF em Andhra Pradesh.“Este lugar foi inundado por três ou quatro metros de água. As pessoas não só tiveram suas casas destruídas, elas perderam tudo que tinham. Eles tiveram que sair no momento em que a catástrofe foi anunciada para poderem escapar. Muitos elementos de subsistência foram destruídos: as redes dos pescadores foram varridas, campos de fazendas foram completamente destroçados.”

Consumidores podem combater tráfico humano
Campanha da OIM adverte que indústria de produtos muito baratos tem sido sustentada pela exploração de trabalho forçado; crime vitima mais de 12 milhões de pessoas.

Paquistão fecha escolas por temer ataques do Talebã
O governo do Paquistão fechou todas as escolas e universidades de Islamabad e de outras cidades por temer que o Talebã realize ataques em resposta à intensificação da ofensiva militar contra redutos da milícia.

Sequestros de crianças aterrorizam iraquianos
Mais de uma semana após o menino ter sido sequestrado, vizinhos alertaram a polícia sobre um cheiro forte vindo de um prédio próximo. Foi ali que encontraram o corpo de Muntadar, já em decomposição, desfigurado por ácido.

Cruz Vermelha pede respeito às leis humanitárias
Órgão quer mais iniciativa de parlamentares para proteger civis em países onde há conflito armado; guia deve ajudar no reconhecimento das regras internacionais.

Subsídios europeus destroem mercado do leite africano
Produtores de leite europeus deverão receber ajuda de 280 milhões de euros para superar a crise. Para produtores rurais europeus, tais subvenções são uma ajuda, para os africanos, no entanto, elas são uma catástrofe.

Obesidade afeta principalmente mulheres pobres
A obesidade afeta as mulheres de todos os níveis sociais, mas tem maior incidência na saúde daquelas em situação de pobreza. Os fatores que têm provocado o aumento da obesidade em nosso país - a qual afeta majoritariamente as mulheres - são: a urbanização, o crescimento econômico, a pobreza, o sedentarismo, a influência dos meios de comunicação, as mudanças na dieta e a pouca importância dos governos em matéria de promoção da saúde.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails